Localização geográfica dos vulcões

Vulcões.
Quando pensamos nesta palavra, vêm-nos logo à cabeça imagens de montanhas que “cospem” fogo. No entanto, nem todos os vulcões são montanhas, nem todos os vulcões libertam lava. O que proponho nos próximos posts é descobrir o que são vulcões, onde se localizam, porque é que uns vulcões são tão “simpáticos”, como os do Havai, e outros são tão perigosos como os da Indonésia.

O mapa seguinte mostra-te onde se situam os principais vulcões do mundo:

Localização dos vulcões no mundo.
Imagem: areal editores

 Repara que os vulcões não têm uma distribuição aleatória.
Encontram-se sobretudo nos limites das placas litosférias, em três regiões principais:

  • Em torno do Oceano Pacífico – Esta zona tem a designação de Anel de Fogo do Pacífico, não só pelo número de vulcões, mas também porque estes vulcões são na sua maioria do tipo explosivo. Abrange zonas como o Japão, Indonésia e a costa Oeste da América do Norte e do Sul.
  • No Mar Mediterrâneo – Os mais famosos são os vulcões italianos: Etna, Stromboli, Vesúvio….
  • Nos limites divergentes do rifte Africano e da Islândia (dorsal médio-Atlântica).

Não é por acaso que os vulcões se localizam nestas zonas. Para perceberes porquê, vamos ver como se forma o magma que dá origem a estes vulcões.

O magma é constituído por rocha fundida, a elevadas temperaturas. Forma-se nas zonas de subducção, e em alguns casos pode vir de zonas mais profundas da Terra, onde o material já está em fusão.

Nos limites convergentes:

Na zona de subducção, a placa que mergulha está sujeita a elevadas temperaturas e pressões. As rochas fundem, e o material formado (magma) ascende até a uma zona onde se acumula – câmara magmática. Eventualmente depois sobe até à superfície e dá origem a um vulcão.

Nos limites divergentes:

O afastamento das placas facilita a ascensão de magma que se encontra na Astenosfera, a camada situada logo abaixo das placas litosféricas.

.

Há alguns vulcões que se localizam no interior das placas litosféricas (como é o caso das ilhas do Havai), nos chamados pontos quentes. Mas são uma excepção. Neste caso, o magma que lhes dá origem é proveniente de uma camada muito profunda do nosso planeta, muito próxima do núcleo e que sobe até à superfície (na forma de uma pluma térmica), originando vulcões. No décimo ano verás em pormenor como é que isto acontece.

1 Comment

  1. Raimunda Machado de Oliveira - 3 de Abril de 2014

    gostei muito, é muito gratificante. uma fonte rica em informações.

Leave a reply